conselho-tutelar-2A Lei Federal nº 12.696, de 25 de Julho de 2012, alterou os artigos 132, 134, 135 e 139 do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Esta lei, além de estabelecer a unificação do processo de escolha dos conselheiros tutelares, em data única, em todo o país, também prevê o mandato de 04 (quatro) anos para os os mesmos e lhes assegura, os direitos à cobertura previdenciária, às férias anuais remuneradas, à licença maternidade/licença paternidade e à gratificação natalina.

De acordo com a Resolução nº 170 do CONANDA, de 10 de dezembro de 2014, o grande responsável pela regulamentação destas eleições continua a ser o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), através da expedição de resolução específica, onde conste o calendário detalhado do processo seletivo e os pré-requisitos para a candidatura dos conselheiros.

Estudos recentes, apontam que 63% dos Conselhos Tutelares do país preveem em sua legislação municipal que os aspirantes a candidatos a conselheiros tutelares submetam-se à prova de conhecimentos do ECA, cuja aprovação é obrigatória para concorrerem à eleição.

Neste contexto, a Muda Mundo Consultoria oferece assessoria a municípios que reconhecem a importância da aplicação da prova no processo seletivo, auxiliando os Conselhos de Direitos, na elaboração das mesmas.

Por entender que é fundamental à manutenção do caráter democrático do processo de escolha de conselheiros tutelares que os candidatos cheguem à execução da prova com um nível razoável de equidade, propõe que esta prova esteja associada a um curso de conhecimentos básicos sobre o ECA e a política de promoção e proteção dos direitos da criança e do adolescente, que antecede a sua aplicação.

O curso tem por objetivo qualificar os candidatos para o exercício da função, a partir do conhecimento e compreensão dos princípios jurídicos norteadores dos direitos das crianças e dos adolescentes no Brasil e do papel e das atribuições do Conselho Tutelar na garantia destes direitos.

Para maiores informações, deixe aqui a sua mensagem ou entre em contato através dos nossos telefones ou email.

Share This Post
Tags : , , , , | add comments

20131011_PIAAtualmente os municípios tem o desafio de qualificar a execução do processo socioeducativo dos adolescentes inseridos em liberdade assistida e prestação de serviço a comunidade, investindo no aprimoramento profissional da equipe técnica, a qual tem o PIA – Plano Individual de Atendimento, como instrumento de previsão, registro e gestão das atividades a serem desenvolvidas com o adolescente, conforme previsto no SINASE.

A Muda Mundo Consultoria oferece serviços como ASSESSORIA, CURSOS, CAPACITAÇÕES, PALESTRAS e SEMINÁRIOS em diversos temas em Socioeducação.

Com foco na integração entre teoria e prática, desenvolve propostas para os CREAS e as organizações não governamentais responsáveis pela execução das medidas socioeducativas em meio aberto, auxiliando as equipes diretivas na gestão do serviço e instrumentalizando as equipes técnicas no desenvolvimento do trabalho.

 

Capacitações

20140528_CREASAtravés da abordagem de temas específicos, nossas capacitações prepararam os participantes para o enfrentamento de situações diversas no desempenho de sua função, fortalecendo sua autoconfiança e promovendo melhorias no atendimento para o alcance dos resultados propostos.

Conteúdo:

Apresentação conceitual sobre as medidas socioeducativas e o processo socioeducativo com base nos principais marcos regulatórios (ECA, SINASE e SUAS)

Princípios da Socioeducação

O devido processo legal: da apreensão do adolescente ao acolhimento no Serviço

Interpretação da Medida e Acolhida

Estudo de Caso

PIA – Plano Individual de Atendimento: elaboração, acompanhamento e avaliação

Atendimento individual e grupal e visitas domiciliares

Registro de atendimento

Relatórios – Inicial com apresentação do Plano Individual de Atendimento (PIA), Acompanhamento e Encerramento

 

Assessoria Técnica

Articulação e preparação dos participantes para a construção de caminhos e estratégias que visem o processo de 20131011_140154aperfeiçoamento das ações socioeducativas desenvolvidas, no que se refere à:

Elaboração do Plano Municipal de Atendimento Socioeducativo

Elaboração e/ou desenvolvimento do Plano Político Pedagógico do Serviço – estrutura e funcionamento; fluxo documental; operacionalização e avaliação

Gestão

Discussão de casos

 

Para maiores informações, deixe sua mensagem ou faça contato conosco através dos nossos telefones ou email.

 

 

 

 

 

 

 

 

Share This Post
Tags : | add comments

Recomeçando…

Posted by MudaMundo on Tuesday Jan 20, 2015 Under Uncategorized

amor-pra-recomeçar

Após um produtivo ano de 2014, seguido do merecido descanso, retomamos nossas atividades.

Inclusive, aqui no blog.

Ainda que nunca seja tarde para felicitar o ANO NOVO, melhor lembrá-lo da forma que o desejamos…

“Da minha aldeia vejo quanto da terra se pode ver no Universo…
Por isso a minha aldeia é tão grande como outra terra qualquer
Porque eu sou do tamanho do que vejo
E não, do tamanho da minha altura…
Nas cidades a vida é mais pequena
Que aqui na minha casa no cimo deste outeiro.
Na cidade as grandes casas fecham a vista à chave,
Escondem o horizonte, empurram o nosso olhar para longe
de todo o céu,
Tornam-nos pequenos porque nos tiram o que os nossos olhos
nos podem dar,
E tornam-nos pobres porque a nossa única riqueza é ver.”  [1]

Nas palavras do poeta, desejamos que a nossa visão jamais se restrinja, que a nossa esperança jamais se finde e que sempre sejamos grandes para almejar e construir um mundo melhor!

Que assim venha 2015, para todos nós!

[1] Alberto Caeiro, in “O Guardador de Rebanhos – Poema VII”, Heterónimo de Fernando Pessoa
Share This Post
Tags : | add comments

“No novo tempo, apesar dos perigos
Da força mais bruta, da noite que assusta, estamos na luta
Pra sobreviver, pra sobreviver, pra sobreviver
Pra que nossa esperança seja mais que a vingança
Seja sempre um caminho que se deixa de herança” (Ivan Lins)

Este é o nosso espírito para 2013!!!

Retomamos nossas atividades, depois de um descanso merecido…

Muito fizemos no ano passado e apresentamos, na sequência, as capacitações que realizamos junto a vários Serviços de Proteção Especial em diversos locais da cidade de São Paulo.

 

Construção do Plano Individual de Atendimento no contexto das medidas socioeducativas em meio aberto de São Paulo/Capital

Objetivo: Qualificar os profissionais dos Serviços de Medida Socioeducativas em Meio Aberto na construção do PIA – Plano Individual de Atendimento a partir de diretrizes metodológicas estabelecidas pela Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social de São Paulo.

Metodologia: Desenvolvimento da metodologia de estudo de caso e construção do PIA – Plano Individual de Atendimento, a partir de casos reais atendidos pelos Serviços, além de exercício sobre relatórios com a participação dos supervisores dos CRAS/CREAS para reflexão e construção conjunta.

Carga horária: 20 horas.

 

Formação Básica para a Equipe de Profissionais dos Serviços de Acolhimento Institucional

Objetivo: Capacitar as equipes de profissionais que trabalham com crianças e adolescentes nos Serviços de Acolhimento Institucional nas suas principais diretrizes, bem como averiguar suas principais necessidades para futura proposta de capacitação continuada

Metodologia: Exposições de conteúdo e técnicas que estimulam a reflexão e a participação de todos, individualmente e no grupo, a fim de motivar os profissionais e, assim, fortalecer e qualificar o desempenho dos mesmos.

Carga horária: 36 horas

 

Possibilidades de abordagem do consumo de álcool e outras drogas nas medidas socioeducativas em meio aberto

Objetivo: Introduzir os conceitos principais relacionados ao tema “dependência química” para os profissionais dos Serviços de Medida Socioeducativas em Meio Aberto, bem como apresentar algumas técnicas de abordagem ao usuário de substâncias, passíveis de serem aplicadas no espaço do atendimento socioeducativo, com vistas ao encaminhamento para tratamento.

Metodologia: Exposições de conteúdo, apresentação e discussão de técnicas de abordagem sobre o consumo de álcool e drogas, junto aos usuários.

Carga horária: 04 horas

 

Além destas capacitações, a Muda Mundo Consultoria também prestou assessoria a Serviços, tendo por foco necessidades específicas que foram previamente detectadas. Veja as principais:

 

 Construção da Metodologia de Atendimento em Medida Socioeducativa em Meio Aberto

Objetivo: Assessorar a equipe de profissionais dos Serviços de Medida Socioeducativas em Meio Aberto na construção da metodologia de seu atendimento aos adolescentes em conflito com a lei, a partir das especificidades de cada medida, das prerrogativas teóricas que caracterizam este tipo de atendimento e da sistematização das boas práticas do serviço em questão.

Metodologia: Exposições de conteúdo, exercícios de reflexão sobre a prática cotidiana e sistematização das discussões em equipe, para construção coletiva do produto.

Carga horária: 24 horas

 

Assessoria sobre elaboração de planejamento pedagógico junto à equipe de educadores dos Serviços de Acolhimento Institucional

Objetivo: Assessorar a equipe de educadores dos Serviços de Acolhimento Institucional na construção e qualificação dos seus planejamentos pedagógicos mensais, a partir da apresentação das prerrogativas teóricas que caracterizam as atividades educativas no plano de trabalho do serviço e da discussão dos planejamentos apresentados.

Metodologia: Exposições de conteúdo e exercícios de reflexão sobre a prática cotidiana e sobre as etapas do planejamento.

Carga horária: 36 horas

 

Assessoria sobre relatórios técnicos junto à equipe de profissionais dos Serviços de Medida Socioeducativa em Meio Aberto

Objetivo: Assessorar a equipe de profissionais dos Serviços de Medida Socioeducativas em Meio Aberto na qualificação dos seus relatórios técnicos no que se refere ao conteúdo e à forma, a partir da conceituação teórica sobre o tema e sobre a especificidade de cada tipo de relatório em medida (Inicial/PIA; Acompanhamento e Encerramento) e das diretrizes metodológicas estabelecidas pela Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social de São Paulo junto ao Poder Judiciário.

Metodologia: Exposições de conteúdo e discussão de relatórios diversos elaborados pelos técnicos do Serviço.

Carga horária: a combinar

 

Gostou? Então, entre em contato conosco.

E que venham novos trabalhos!

Feliz Ano Novo para todos nós!!!!

Share This Post
Tags : , | add comments

Nossa dica desta semana é um delicioso convite!  Um convite a degustar e saborear esta magnífica palestra do psicólogo e professor Guto Pompéia, no Colégio Móbile, em maio passado.

Partindo da narrativa do mito de Ícaro, Guto nos conta brevemente as lições que Dédalo ensina ao seu filho sobre o uso da liberdade e discursa sobre aspectos aos quais devemos nos atentar para o seu perfeito exercício: a diferença entre escolha e decisão; a importância do obedecer/ouvir (o que e a quem); a limitação da liberdade independentemente do outro; a possibilidade do compartilhamento de sonhos e de criação conjunta do mundo, como exercício permanente da liberdade e da essência humana.

Aos pais e educadores, indispensável e obrigatório.

Aos adolescentes, um convite à reflexão.

A todos, uma sugestão! Aproveitem!

Clique AQUI

 

 

 

Share This Post
Tags : | add comments

A Muda Mundo Consultoria foi novamente convidada pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) de Cabo Frio, para estruturar o IV Seminário de Enfrentamento e Prevenção às Drogas, com foco específico em políticas públicas e tratamento.

O objetivo deste Seminário foi promover a reflexão dos participantes sobre a importância da construção e implementação de estratégias políticas para o enfrentamento eficiente ao consumo de álcool e outras drogas, bem como elucidar as principais formas de tratamento para dependência química.

O evento foi realizado na FERLAGOS – Fundação Educacional da Região dos Lagos, em Cabo Frio, nos dias 21 e 22/06/2012, e contou com a participação de diversos representantes do Poder  Público local, conselheiros tutelares e diversos trabalhados das Secretarias de Saúde e da Assistência Social, de organizações não governamentais e de comunidades terapêuticas. Também compareceram representantes destas áreas dos municípios de Búzios, Arraial do Cabo, Araruama, São Pedro da Aldeia e Campos do Goytacazes.

Para atingir o objetivo proposto, a Muda Mundo Consultoria organizou cinco palestras e uma atividade para discussão e esboço de algumas diretrizes para políticas públicas locais.

  Luca Santoro Gomes, mestre em Aconselhamento Psicodinâmico pela Universidade de Londres       e especialista em Dependência Química pela UNIAD/ UNIFESP, iniciou o Seminário com a palestra  “Políticas públicas para o controle de álcool, tabaco e outras drogas”. A partir da discussão dos  conceitos de saúde e de promoção de saúde,  foram apresentados exemplos de políticas públicas  efetivas voltadas ao enfrentamento ao consumo de drogas e do álcool, com destaque especial para aquelas  implantadas no município de Diadema, em São Paulo. Ressaltou-se a importância da integração  das ações provenientes das diversas secretarias municipais que, uma vez unificadas, constróem  a política local para o enfrentamento do problema.

Na sequência, a psicóloga e também especialista em Dependência Química pela UNIAD/UNIFESP, Isabel Ferreira, abordou o tema “Organização de Serviços de Tratamento em Dependência Química”.  A palestra discutiu a importância do planejamento dos serviços, em concordâncias aos princípios gerais do tratamento à dependência química. Além disto, apresentou a Enfermaria de Tratamento de Dependência de Álcool, tabaco e outras drogas, coordenada pela UNIAD/UNIFESP, em São Bernardo do Campo/SP, como referência de uma boa prática nesta área.

  A palestra “Políticas Públicas voltadas à criança e ao adolescente” foi ministrada por Roberta Pompêo de Camargo Carvalho, psicóloga, mestre em Serviço Social e diretora de projetos da Muda Mundo Consultoria. Seu foco foi a discussão do uso e abuso de substâncias psicoativas por crianças e adolescentes como violação de direitos e a importância do respeito à legislação da Saúde (SUS), da Assistência Social (SUAS) e do ECA, bem como observância do princípio da intersetorialidade na construção de uma política específica de enfrentamento ao consumo de álcool e outras drogas por parte desta população.

No final do primeiro dia, Isabel também abordou o tema “Terapias Psicológicas e Prevenção do Abuso de Substâncias Psicoativas”, com ênfase na apresentação dos principais modelos etiológicos da abordagem da dependência química e nas principais terapias psicológicas que surgiram como decorrência dos mesmos. Também foram destacados aqui os fatores de risco e de proteção para o consumo de substâncias psicoativas.

O segundo dia foi aberto com Luca Santoro falando  sobre “Populações Especiais”. Sua tônica foi a discussão da diversidade cultural, suas dimensões e o seu gerenciamento.

Na sequência, os participantes enfrentaram o difícil desafio de discutir e esboçar ideias sobre possíveis diretrizes e ações para construção de uma política municipal de enfrentamento ao uso/consumo de álcool e outras drogas. Ainda que este Seminário tenha discutido o tema de forma ampla, abordando diversas populações, os participantes privilegiaram focar a criança e o adolescente. Os diversos grupos de trabalho apresentaram sugestões interessantes, plausíveis e complementarem entre si. 

  O fechamento do evento consistiu no apontamento dos principais aspectos abordados por cada grupo por parte dos consultores e, principalmente, no incentivo à continuidade das discussões e na formulação desta política, pela comunidade local, na plenária do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) de Cabo Frio.

Espera-se, agora,  os resultados efetivos dos esforços empreendidos pelo município de Cabo Frio, neste último ano.

Outras informações no link: http://www.cabofrio.rj.gov.br/detalhenoticia.aspx?id=ee40256d-5a65-4473-be08-e90ae1ea4d21

 

 

Share This Post
Tags : | add comments

Você sabia que 12 % das crianças e adolescentes apresentam algum diagnóstico de transtorno mental acompanhado de prejuízos funcionais? Ou ainda que 73,9% dos portadores de um trantorno psiquiátrico aos 26 anos, já apresentavam algum diagnóstico psiquiátrico antes dos 18 anos?

Entenda melhor a importância de se diagnosticar e tratar os problemas de saúde mental na infância e na adolescência no excelente  artigo O impacto dos problemas de saúde mental em crianças e adolescentes para a saúde pública, de Ana Soledade Graeff-Martins e Maria Alice Fontes, no site da Plenamente.

Boa Leitura!

Share This Post
Tags : | add comments

Estamos recebendo alguns contatos de Serviços de Medidas Socioeducativas em Meio Aberto (SMSE-MA) da capital interessados em capacitações para suas equipes de profissionais.

Um primeiro ponto a ser esclarecido é que a Muda Mundo Consultoria elabora suas propostas de atuação a partir de uma demanda solicitada. Ou seja, vale a pena que as instituições/serviços/conselhos/empresas, interessados no nosso trabalho, façam um contato a fim de solicitar uma proposta de atuação e orçamento, sem compromisso.

No âmbito das medidas socioeducativas, temos duas capacitações já estruturadas sobre o Plano Individual de Atendimento (PIA). Isto porque, no ano passado, fomos procurados por serviços que se interessaram especificamente por este tema. São elas:

1)  Plano Individual de Atendimento no processo socioeducativo das medidas em meio aberto

Com 04 horas de duração, esta capacitação tem por objetivo instrumentalizar os participantes para construção e desenvolvimento do Plano Individual de Atendimento de adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa em meio aberto.

Trata-se de um trabalho pontual, com foco na exposição dos conteúdos, discussões em grupos e um exercício prático.

2)  Construção do Plano Individual de Atendimento no contexto das medidas socioeducativas em meio aberto de São Paulo/Capital

Esta capacitação tem a duração de 40 horas, distribuídas em 02 encontros mensais de 04 horas cada, por um período de 05 meses. Seu foco é qualificar os profissionais dos SMSE-MA  na construção do PIA , a partir de diretrizes metodológicas estabelecidas pela Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social de São Paulo/ SMADS.

Para isto, utilizamos um caso real atendido no serviço. A este caso serão aplicadas as metodologias de estudo de caso e da construção do PIA adotadas pela SMADS e também serão discutidas propostas de estruturas dos relatórios para que eles possam apresentar, monitorar e avaliar o processo socioeducativo em questão.

A proposta desta capacitação é que haja a junção de dois serviços (da mesma região ou da mesma organização), a fim de proporcionar a troca entre os profissionais das equipes e enriquecer as discussões. Também é aconselhável a participação dos supervisores técnicos dos CRAS/CREAS das regiões, bem como dos gerentes dos serviços.

Para outros esclarecimentos, é só postar aqui as suas dúvidas.

 

Share This Post
Tags : | 5 comments

O tema é polêmico e complexo. Sabe-se hoje que os adolescentes brasileiros estão experimentando bebidas alcoólicas cada vez mais cedo e ainda passam a fazer consumo frequente das mesmas  rapidamente. Mas quais são as consequências da experimentação e do uso de bebidas alcoólicas na adolescência, afinal?  Por que os nossos  adolescentes estão tão vulneráveis ao consumo de  bebidas alcoólicas? Será que o uso de álcool por adolescentes supervisionado pelos pais é garantia da aprendizagem de beber de forma segura?

As respostas a estas e outras perguntas são discutidas no excelente artigo “Reduzir o beber entre adolescentes: responsabilidade coletiva”, escrito pela psiquiatra e especialista em Dependência Química e Sexualidade Humana – Drª Alessandra Diehl e publicado na Revista Anônimos, deste mês.

Não deixe de ler!

Acesse aqui: http://www.revistaanonimos.com.br/_pdf/_03.pdf

 

Share This Post
Tags : | add comments

De volta às atividades: FELIZ ANO NOVO!!!

Posted by MudaMundo on Wednesday Jan 11, 2012 Under Nosso contato com você

 

No ano de 2011, a Muda Mundo Consultoria brilhou! Começamos timidamente mas, aos pouquinhos, fomos conquistando nosso espaço…

Trabalhamos em consonância com a nossa missão: “Contribuir de forma construtiva e interativa para o desenvolvimento social e mudança efetiva da sociedade com base na doutrina da proteção integral à criança e ao adolescente”. E solidificamos nossas ações, sempre orientadas em direção aos valores que norteiam o nosso trabalho e (por que não?) as nossas vidas!

Elaboramos capacitações sobre temas relacionados aos direitos da criança e do adolescente e neles, formamos profissionais das áreas da Saúde, Educação e Assistência Social.

Desenvolvemos um belo projeto de prevenção do uso de álcool e drogas com atuação direta junto aos pais, alunos e educadores de uma escola da nossa cidade.

Estruturamos um ótimo seminário para reflexão do consumo drogas pela população infanto-juvenil, com o objetivo de facilitar a articulação entre os diversos atores do Sistema de Garantias de Direitos do local, para o enfrentamento do problema, na cidade de Cabo Frio/RJ.

Não foi pouca coisa! Foi um ano de trabalho árduo e intenso. Um ano de dedicação e de muita fé!!!

Contudo, apesar de nos orgulharmos de nossas conquistas, apenas nos últimos 15 dias de 2011 também lemos nos jornais:

Brasil tem mais de um milhão de jovens osciosos: Pobreza e violência colaboram para vida de adolescentes sem trabalho e sem estudo – Gazeta do Povo (PR) – 21/12/11

Falta resolver a pobreza na infância – Revista Época – 18/12/11

01 pediatra, 1463 crianças – Estado de Minas (MG) – 20/12/11

Nordeste lidera o ranking de gravidez precoce – O Globo (RJ) – 18/12/11

Cadastro de crianças e adolescentes desaparecidos não funciona – O Estado de São Paulo – 17/12/11

Fortaleza possui 74 pontos de exploração sexual comercial de crianças – O Diário do Nordeste (on line) – 14/12/11

 Quanto ainda há a ser feito!!!!!!!! E quão poucas pessoas se dispõem a fazê-lo… É preciso muito mais! Por isso, nossa mensagem de Natal ficou por conta do escritor José Saramago:

“(…) O egoísmo pessoal, o comodismo, a falta de generosidade, as pequenas covardias do cotidiano, tudo isto contribui para a perniciosa forma de cegueira mental, que consiste em estar no mundo e não ver o mundo ou só ver dele, o que em cada momento for susceptível de servir os nossos interesses. Temos que acreditar nalguma coisa, e, sobretudo, temos de ter um sentimento de responsabilidade coletiva, segundo o qual cada um de nós será responsável por todos os outros. A prioridade absoluta tem de ser o ser humano. Acima dessa não reconheço nenhuma outra prioridade”.

E, justamente, por também entendermos que somos responsáveis uns pelos outros e que somos responsáveis por fazer acontecer é que nos despedimos de 2011 com a bela música de Ivan Lins:

Depende de nós
Quem já foi ou ainda é criança
Que acredita ou tem esperança
Quem faz tudo pra um mundo melhor

Depende de nós
Que o circo esteja armado
Que o palhaço esteja engraçado
Que o riso esteja no ar
Sem que a gente precise sonhar

Que os ventos cantem nos galhos
Que as folhas bebam orvalhos
Que o sol descortine mais as manhãs

Depende de nós
Se esse mundo ainda tem jeito
Apesar do que o homem tem feito
Se a vida sobreviverá

http://www.youtube.com/watch?v=k6kC2LiAOM8&feature=share

Pois bem… Se mudar o mundo depende de nós, após a renovação dos nossos espíritos (e de um pouquinho de descanso, porque ninguém é de ferro), cá estamos,  prontos para fazermos a nossa parte!

Que venha 2012!!!! Feliz Ano Novo!!!

 

 

 

 

Share This Post
Tags : | add comments