“No novo tempo, apesar dos perigos
Da força mais bruta, da noite que assusta, estamos na luta
Pra sobreviver, pra sobreviver, pra sobreviver
Pra que nossa esperança seja mais que a vingança
Seja sempre um caminho que se deixa de herança” (Ivan Lins)

Este é o nosso espírito para 2013!!!

Retomamos nossas atividades, depois de um descanso merecido…

Muito fizemos no ano passado e apresentamos, na sequência, as capacitações que realizamos junto a vários Serviços de Proteção Especial em diversos locais da cidade de São Paulo.

 

Construção do Plano Individual de Atendimento no contexto das medidas socioeducativas em meio aberto de São Paulo/Capital

Objetivo: Qualificar os profissionais dos Serviços de Medida Socioeducativas em Meio Aberto na construção do PIA – Plano Individual de Atendimento a partir de diretrizes metodológicas estabelecidas pela Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social de São Paulo.

Metodologia: Desenvolvimento da metodologia de estudo de caso e construção do PIA – Plano Individual de Atendimento, a partir de casos reais atendidos pelos Serviços, além de exercício sobre relatórios com a participação dos supervisores dos CRAS/CREAS para reflexão e construção conjunta.

Carga horária: 20 horas.

 

Formação Básica para a Equipe de Profissionais dos Serviços de Acolhimento Institucional

Objetivo: Capacitar as equipes de profissionais que trabalham com crianças e adolescentes nos Serviços de Acolhimento Institucional nas suas principais diretrizes, bem como averiguar suas principais necessidades para futura proposta de capacitação continuada

Metodologia: Exposições de conteúdo e técnicas que estimulam a reflexão e a participação de todos, individualmente e no grupo, a fim de motivar os profissionais e, assim, fortalecer e qualificar o desempenho dos mesmos.

Carga horária: 36 horas

 

Possibilidades de abordagem do consumo de álcool e outras drogas nas medidas socioeducativas em meio aberto

Objetivo: Introduzir os conceitos principais relacionados ao tema “dependência química” para os profissionais dos Serviços de Medida Socioeducativas em Meio Aberto, bem como apresentar algumas técnicas de abordagem ao usuário de substâncias, passíveis de serem aplicadas no espaço do atendimento socioeducativo, com vistas ao encaminhamento para tratamento.

Metodologia: Exposições de conteúdo, apresentação e discussão de técnicas de abordagem sobre o consumo de álcool e drogas, junto aos usuários.

Carga horária: 04 horas

 

Além destas capacitações, a Muda Mundo Consultoria também prestou assessoria a Serviços, tendo por foco necessidades específicas que foram previamente detectadas. Veja as principais:

 

 Construção da Metodologia de Atendimento em Medida Socioeducativa em Meio Aberto

Objetivo: Assessorar a equipe de profissionais dos Serviços de Medida Socioeducativas em Meio Aberto na construção da metodologia de seu atendimento aos adolescentes em conflito com a lei, a partir das especificidades de cada medida, das prerrogativas teóricas que caracterizam este tipo de atendimento e da sistematização das boas práticas do serviço em questão.

Metodologia: Exposições de conteúdo, exercícios de reflexão sobre a prática cotidiana e sistematização das discussões em equipe, para construção coletiva do produto.

Carga horária: 24 horas

 

Assessoria sobre elaboração de planejamento pedagógico junto à equipe de educadores dos Serviços de Acolhimento Institucional

Objetivo: Assessorar a equipe de educadores dos Serviços de Acolhimento Institucional na construção e qualificação dos seus planejamentos pedagógicos mensais, a partir da apresentação das prerrogativas teóricas que caracterizam as atividades educativas no plano de trabalho do serviço e da discussão dos planejamentos apresentados.

Metodologia: Exposições de conteúdo e exercícios de reflexão sobre a prática cotidiana e sobre as etapas do planejamento.

Carga horária: 36 horas

 

Assessoria sobre relatórios técnicos junto à equipe de profissionais dos Serviços de Medida Socioeducativa em Meio Aberto

Objetivo: Assessorar a equipe de profissionais dos Serviços de Medida Socioeducativas em Meio Aberto na qualificação dos seus relatórios técnicos no que se refere ao conteúdo e à forma, a partir da conceituação teórica sobre o tema e sobre a especificidade de cada tipo de relatório em medida (Inicial/PIA; Acompanhamento e Encerramento) e das diretrizes metodológicas estabelecidas pela Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social de São Paulo junto ao Poder Judiciário.

Metodologia: Exposições de conteúdo e discussão de relatórios diversos elaborados pelos técnicos do Serviço.

Carga horária: a combinar

 

Gostou? Então, entre em contato conosco.

E que venham novos trabalhos!

Feliz Ano Novo para todos nós!!!!

Share This Post
Tags : , | add comments

Estamos recebendo alguns contatos de Serviços de Medidas Socioeducativas em Meio Aberto (SMSE-MA) da capital interessados em capacitações para suas equipes de profissionais.

Um primeiro ponto a ser esclarecido é que a Muda Mundo Consultoria elabora suas propostas de atuação a partir de uma demanda solicitada. Ou seja, vale a pena que as instituições/serviços/conselhos/empresas, interessados no nosso trabalho, façam um contato a fim de solicitar uma proposta de atuação e orçamento, sem compromisso.

No âmbito das medidas socioeducativas, temos duas capacitações já estruturadas sobre o Plano Individual de Atendimento (PIA). Isto porque, no ano passado, fomos procurados por serviços que se interessaram especificamente por este tema. São elas:

1)  Plano Individual de Atendimento no processo socioeducativo das medidas em meio aberto

Com 04 horas de duração, esta capacitação tem por objetivo instrumentalizar os participantes para construção e desenvolvimento do Plano Individual de Atendimento de adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa em meio aberto.

Trata-se de um trabalho pontual, com foco na exposição dos conteúdos, discussões em grupos e um exercício prático.

2)  Construção do Plano Individual de Atendimento no contexto das medidas socioeducativas em meio aberto de São Paulo/Capital

Esta capacitação tem a duração de 40 horas, distribuídas em 02 encontros mensais de 04 horas cada, por um período de 05 meses. Seu foco é qualificar os profissionais dos SMSE-MA  na construção do PIA , a partir de diretrizes metodológicas estabelecidas pela Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social de São Paulo/ SMADS.

Para isto, utilizamos um caso real atendido no serviço. A este caso serão aplicadas as metodologias de estudo de caso e da construção do PIA adotadas pela SMADS e também serão discutidas propostas de estruturas dos relatórios para que eles possam apresentar, monitorar e avaliar o processo socioeducativo em questão.

A proposta desta capacitação é que haja a junção de dois serviços (da mesma região ou da mesma organização), a fim de proporcionar a troca entre os profissionais das equipes e enriquecer as discussões. Também é aconselhável a participação dos supervisores técnicos dos CRAS/CREAS das regiões, bem como dos gerentes dos serviços.

Para outros esclarecimentos, é só postar aqui as suas dúvidas.

 

Share This Post
Tags : | 4 comments

Em atenção à solicitação do Serviço de Medidas Socioeducativas em Meio Aberto (SMSE-MA) Ermelino Matarazzo, a Muda Mundo Consultoria reestruturou sua primeira capacitação sobre o Plano Individual de Atendimento e instrumentalizou a equipe técnica do referido Serviço nos fundamentos e conceitos para a construção e o desenvolvimento do PIA dos adolescentes em cumprimento de medidas em meio aberto.

A capacitação aconteceu no mês de setembro, em uma manhã de trabalho. Nas 04 horas de atividades, levantou-se as principais necessidades e dúvidas dos participantes sobre a elaboração do PIA; discutiu-se o processo socioeducativo em consonância ao SINASE e a importância do PIA, neste contexto; recordou-se os modelos já propostos para o Plano Individual de Atendimento e, ainda, discutiu-se as diretrizes estabelecidas para o PIA nas oficinas promovidas pela SMADS, no início do ano.

De posse deste conteúdo, a equipe pôde não apenas repensar sua prática profissional no atendimento aos adolescentes, mas  também pôde perceber a necessidade de investimento na reflexão e no exercício da construção do PIA, uma vez que ele se constitui em importante ferramenta do processo socioeducativo das medidas.

Parabéns ao SMSE-MA Ermelino Matarazzo por também priorizar a capacitação de sua equipe neste tema!

 

Share This Post
Tags : | add comments

A partir das diretrizes metodológicas estabelecidas pela Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social de São Paulo (SMADS), a Muda Mundo Consultoria desenvolveu uma proposta de capacitação intitulada “Construção do Plano Individual de Atendimento no contexto das medidas socioeducativas em meio aberto de São Paulo/Capital” e desde maio/ 2011, vem trabalhando sistematicamente com alguns serviços que prestam o atendimento nesta área.

A proposta técnica para esta capacitação é o exercício prático da metodologia de estudo de caso e construção do PIA, a partir de casos reais atendidos pelos Serviços. Além disto, a proposta também inclui a reflexão e o exercício dos relatórios dos casos trabalhados.

Esta capacitação está estruturada para ser realizada em 40 horas e possibilita a junção de duas equipes para a discussão de 02 casos, simultaneamente.

Cabe ressaltar que uma particularidade desta capacitação é oportunizar a participação dos supervisores dos serviços de medidas socioeducativas dos CREAS/CRAS para reflexão e construção conjunta do PIA e dos instrumentais e formas de registro mais adequadas para os casos, pois essa interação é absolutamente necessária para a qualidade dos processos socioeducativos.

Destacamos o CREAS Sé como o disparador desta demanda. O interesse em qualificar os técnicos dos SMSE-MA da Bela Vista e de Santa Cecília (ambos conveniados à Associação Comunitária Senhor Santo Cristo) na construção do PIA levou a Muda Mundo Consultoria a elaborar esta capacitação. O trabalho se encontra na reta final, com possibilidade de continuação através de supervisões sistemáticas na elaboração do Plano Individual de Atendimento de outros casos.

As equipes dos CREAS do Butantã (SMSE-MA Butantã, conveniado com o Centro Social Santo Dias) e da Lapa (SMSE-MA Lapa, conveniado com a AGES – Associação Civil Gaudium Et Spes) deram início a este trabalho no mês de julho.

O SMSE-MA Dom Bosco também contratou este serviço, em continuidade a capacitação realizada no início deste ano.

Share This Post
Tags : | add comments

Sugestão da semana

Posted by MudaMundo on quinta-feira abr 7, 2011 Under Adolescente autor de ato infracional, Medida Socioeducativa

A ANCED – Associação Nacional dos Centros de Defesa da Criança e do Adolescente, em parceria com a Secretaria de Direitos Humanos e  com o ICCO&Kerk in Actie, disponibiliza ao público o relatório final da pesquisa “Homicídios de adolescentes em cumprimento de Medida Socioeducativa de Internação”, uma das linhas de ação do projeto Pelo Direito de Viver com Dignidade.

O relatório analisa 23 casos documentados de adolescentes vítimas de homicídio nas unidades de internação de 08 estados brasileiros, no período de janeiro de 2007 à janeiro de 2010, como conseqüência importante da fragilidade das condições estruturais e de funcionamento destas unidades no atendimento de sua função. Além disto, também menciona o alarmante número de 47 casos de homicídios deste tipo, que não foram documentados, entre os anos de 2005 e 2010.

Vale a pena a leitura na íntegra deste importante trabalho (Relatório completo da pesquisa), cuja finalidade última é o fortalecimento dos mecanismos de proteção dos direitos humanos de crianças e adolescentes.

Destacamos ainda que no site da ANCED (clique aqui), é possível ter acesso a toda a bibliografia utilizada na pesquisa. É só fazer o download.

Boa Leitura!

Share This Post
Tags : , , | add comments

No dia 04 /02/11, a Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social de São Paulo (SMADS), com a organização da KAIRÓS Desenvolvimento Social, realizou o Seminário de Medidas Socioeducativas em Meio Aberto e a Construção do Plano Individual de Atendimento (PIA).

O Seminário marcou o início do processo de capacitação dos profissionais da Secretaria, em especial técnicos supervisores do programa de Medida Socioeducativa em Meio Aberto (MSE/MA) e também os  trabalhadores dos serviços conveniados, com o objetivo de qualificar os diversos profissionais envolvidos neste atendimento.

A mesa de abertura foi composta pela Exma. Srª Alda Marco Antônio – Vice-Prefeita e Secretária Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social da cidade de São Paulo, pela Drª Mônica Ribeiro de Souza  Paukoski – Juíza Corregedora do Departamento de Execuções da Infância e da Juventude da Capital (DEIJ) e pela Srª Zilah Daijó Kuroki – Coordenadora da Proteção Especial da SMADS.

Na sequência, os palestrantes Fábio Silvestre da Silva e a Profª Irandi Pereira  fizeram suas exposições sobre a construção da política das medidas socioeducativas em meio aberto e sobre as diretrizes pedagógicas, dimensões do atendimento e  a interface das medidas socioeducativas com o Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo -SINASE e com o Sistema Único da Assistência Social – SUAS, respectivamente.

No próximo dia 10, terá início o Curso de Medidas Socioeducativas em Meio Aberto e a Construção do Plano Individual de Atendimento – PIA. Sua duração total é de 12 horas e ele está organizado em três módulos: Estudo de Caso/Coleta de Dados, Plano Individual de Atendimento – PIA e Relatório Técnico: estrutura e conteúdo.

Com essa iniciativa, a SMADS pretende apresentar e esclarecer o reordenamento do atendimento das medidas socioeducativas em meio aberto, tendo em vista a implementação dos CREAS (Centro de Referência Especializado em Assistência Social) na cidade de São Paulo  e ainda promover a consolidação da Assistência Social como política pública, através do alinhamento dos conceitos e técnicas e da integração entre os SUAS e SINASE.

Share This Post
Tags : | add comments

Em 28/01/11,  a Muda Mundo Consultoria realizou junto ao Serviço de Medidas Socioeducativas em Meio Aberto (SMSE-MA) da Obra Social Dom Bosco- Itaquera, a capacitação intitulada “Plano Individual de Atendimento – PIA”.

A capacitação de 04 horas teve por objetivo instrumentalizar a equipe de  profissionais sobre os principais conceitos que envolvem o PIA, bem como exercitá-los na prática desta ferramenta.

Desta forma, abordou-se o PIA à luz do SINASE e da conceituação  das  medidas socioeducativas e do processo socioeducativo.

Na sequência, a equipe partiu para a prática da construção do Plano Individual de Atendimento – PIA de um caso fictício.

Estiveram presentes todos os profissionais do serviço: a gerente, os  sete técnicos e os dois auxiliares administrativos.

É importante ressaltar o interesse e priorização  do SMSE-MA Dom Bosco em investir na qualificação da sua equipe quanto aos procedimentos do atendimento socioeducativo. Isto é fundamental quando se busca a efetividade dos resultados das medidas socioeducativas em meio aberto.

Share This Post
Tags : | 5 comments